Seminários - Colóquios - Conferências
Seminários, Colóquios e Conferências
A Divisão de Astrofísica do INPE organiza, semanalmente, seminários que são apresentados no auditório do IAI (INPE), nas terças-feiras às 15:00h. Acontecem também seminários especiais, que podem ter datas e horários distintos dos estabelecidos.
Relação de Seminários para o ano de 2010.
Informações: (12) 3208-7220

NOVEMBRO
Data Título Seminarista Instituição
23/11/2010 Dr. Martín Makler Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas
       
OUTUBRO
Data Título Seminarista Instituição
26/10/2010 Dra. Christina Barboza Museu de Astronomia e Ciências Afins
19/10/2010 Dr. Nilton O. Renno University of Michigan
05/10/2010 Dr. Saulo Carneiro UFBA
 
SETEMBRO
Data Título Seminarista Instituição
21/09/2010 Dr. Marcelo Rebouças CBPF
 
AGOSTO
Data Título Seminarista Instituição
24/08/2010 Dr. Edivaldo Moura Santos UFRJ
 
JUNHO
Data Título Seminarista Instituição
22/06/2010 Dr. Carlos Alexandre Wuenche de Souza DAS/INPE
10/06/2010   DAS/INPE
01/06/2010 Dr. André de Castro Milone DAS/INPE
 
MAIO
Data Título Seminarista Instituição
25/05/2010 Dr. João Steiner IAG-USP
18/05/2010 Dr. Augusto Damineli IAG/USP
04/05/2010 Dra. Tatiana Lagana IAG/USP
 
ABRIL
Data Título Seminarista Instituição
27/04/2010 Eder Martioli DAS/INPE
20/04/2010 (Não compareceu) Dr. Denis Bessada DAS/INPE
15/04/2010 Dr. Reinaldo de Carvalho DAS/INPE
13/04/2010 Drª. Adriana Válio CRAAM/Mackenzie
06/04/2010 Dr. Carlos A. Nobre CCST/INPE
 
MARÇO
30/03/2010 Dr. Reinaldo de Carvalho DAS/INPE
23/03/2010 Dr. Reinaldo R. Rosa LAC/INPE
16/03/2010 Dr. Fabiano Luis de Sousa DEM/INPE
11/03/2010 Dr. Rodrigo Leonardi European Space Research and Technology Centre (ESTEC) – The Netherlands
09/03/2010 Dr. Manuel Henrique Lente UNIFESP/SJC
02/03/2010 Dra. Cláudia Vilega Rodrigues DAS/INPE
 
SEMINARISTA: Dra. Cláudia Vilega Rodrigues - DAS/INPE
DATA: 02/03/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
ASTRONEWS: Rafael Reis Amorim - DAS/INPE
ARQUIVO PARA DOWNLOAD: SPARC4 - Uma nova câmera CCD rápida em quatro cores e com capacidade polarimétrica

TITULO: SPARC4 - Uma nova câmera CCD rápida em quatro cores e com capacidade polarimétrica

RESUMO: Neste seminário, descrevemos a motivação científica e as principais características de um novo instrumento astronômico a ser desenvolvido na DAS: SPARC4 - Simultaneous Polarimeter and Rapid Camera in Four Bands. O projeto consiste de quatro câmeras CCD cada qual atuando simultaneamente em quatro das bandas do sistema de filtros do Sloan Digital Sky Survey (SDSS). A separação do feixe de luz branca é feita por espelhos dicróicos. Um módulo específico permite a realização de polarimetria em todas as bandas. O instrumento está sendo projetado para o telescópio de 1,6-m do Observatório do Pico do Dias, mas a instalação em outros telescópios não está descartada.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Manuel Henrique Lente - UNIFESP/SJC
DATA: 09/03/2010
LOCAL: Auditório Roger Honiat - LIT/INPE
HORA: 15:00h
ASTRONEWS: Patrick da Rosa Silveira - DAS/INPE

TITULO: A UNIFESP em São José dos Campos: sua proposta de inserção regional e nacional

RESUMO: Nesta palestra faremos uma apresentação institucional da Universidade Federal de São Paulo, campus São José dos Campos (UNIFESP/SJC). Destacaremos em particular os diferenciais contidos nas propostas de implantação dos cursos de graduação e pós-graduação, bem como dos projetos de extensão do Campus. Os possíveis processos de interação da UNIFESP/SJC com o setor industrial e com os institutos de pesquisas da região do Vale também serão discutidos.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Rodrigo Leonardi – European Space Research and Technology Centre (ESTEC) – The Netherlands
DATA: 11/03/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
ASTRONEWS: Pedro Henrique R. da Silva Moraes - DAS/INPE
ARQUIVO PARA DOWNLOAD: The Planck Mission: the most accurate measurement of the oldest electromagnetic radiation in the Universe

TITULO: The Planck Mission: the most accurate measurement of the oldest electromagnetic radiation in the Universe

RESUMO: The European Space Agency's Planck satellite, launched on 14 May 2009, is measuring temperature and polarization anisotropies of the cosmic microwave background (CMB) with unprecedented sensitivity and angular resolution. Planck is already providing a major source of information to address a wide range of areas of cosmology and astrophysical research, such as the Early Universe, the Milk Way, and some extragalactic objects. In this presentation, I will summarize the Planck observational objective, provide an overview description of the satellite, present some promising results from its First Light Survey, and advertise the future public release of the major Planck products.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Fabiano Luis de Sousa - DEM/INPE
DATA: 16/03/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
ASTRONEWS: Bárbara Heliodora Gonçalves Rodrigues - DAS/INPE
ARQUIVO PARA DOWNLOAD: Otimização Extrema Generalizada: conceitos e aplicações

TITULO: Otimização Extrema Generalizada: conceitos e aplicações

RESUMO: Nesta palestra é apresentado o algoritmo da Otimização Extrema Generalizada (Generalized Extremal Optimization – GEO), sua origem, principais características e exemplos de aplicações. O GEO é um algoritmo evolutivo desenvolvido recentemente, que vem sendo aplicado com sucesso em diferentes tipos de problemas. De fácil implementação, o GEO é uma meta-heurística de busca global, particularmente útil para ser usado em problemas que apresentem múltiplas soluções sub-ótimas ou mesmo um espaço de projeto disjunto, com qualquer combinação de variáveis, contínuas ou discretas. No seminário será visto também possíveis aplicações do GEO a problemas em astronomia e astrofísica.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Reinaldo R. Rosa - LAC/INPE
DATA: 23/03/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
ASTRONEWS: Eder Martioli - DAS/INPE
ARQUIVO PARA DOWNLOAD: Análise de Dados e Simulação Computacional em Cosmologia: A Experiência do LAC

TITULO: Análise de Dados e Simulação Computacional em Cosmologia: A Experiência do LAC

RESUMO: Neste seminário apresentaremos alguns desafios da cosmologia computacional tomando como base os trabalhos realizados pelo grupo de computação científica do LAC-INPE. Em especial, discutiremos a extração e análise de dados obtidos a partir do Consórcio Virgo, o primeiro projeto internacional entre a Alemanha e o Reino Unido, desenvolvido para a simulação da formação de estruturas em grandes escalas. Entre outros tópicos que serão mencionados, discutiremos também trabalhos em andamento para a análise e simulação de mapas da radiação cósmica de fundo sujeitos a diferentes componentes de anisotropias.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Reinaldo de Carvalho - DAS/INPE
DATA: 30/03/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
ASTRONEWS: Edgard de Freitas Evangelista - DAS/INPE
ARQUIVO PARA DOWNLOAD: Observatorios Virtuais - Uma Nova Era na Astronomia

TITULO: Observatorios Virtuais - Uma Nova Era na Astronomia

RESUMO: As próximas décadas se apresentam como transformadoras da nossa maneira de entender o Universo. O motivo principal desta transformação é o aparecimento de telescópios dedicados que realizarão importantes levantamentos fotométricos, como o LSST. Estima-se que a partir de 2018 a quantidade de dados cresça numa taxa de alguns Pb por ano. Este fato por si só requer uma revisão na maneira de entender, tratar e analisar grandes volumes de dados. Neste seminário apresentarei alguns aspectos conceituais de Observatórios Virtuais e sua aplicação direta em um projeto que visa estudar a natureza da energia escura. O objetivo principal é mostrar como um projeto em cosmologia observacional dependente criticamente das ferramentas de VO que vêm sendo desenvolvidas nos últimos anos.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Carlos A. Nobre - CCST/INPE
DATA: 06/04/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
ASTRONEWS: Eduardo dos Santos Pereira - DAS/INPE
ARQUIVO PARA DOWNLOAD: Mudanças Climáticas Globais e o Brasil

TITULO: Mudanças Climáticas Globais e o Brasil

RESUMO: O aquecimento global vem se acelerando nas últimas décadas, acompanhado de elevação significativa do nível do mar e intensificação de diversos eventos climáticos extremos em várias partes do globo, como ondas de calor, chuvas intensas, furacões etc. Esta questão já se constitui num gigantesco desafio ambiental global a ser enfrentado pela humanidade neste século. As mudanças climáticas também se fazem sentir no Brasil, onde a temperatura média subiu quase 0,75º C e a temperatura mínima subiu cerca de 1º C nos últimos 50 anos, o nível do mar se elevou quase 20 cm durante o Século XX e, onde há séries longas de registros climáticos, pode-se documentar que eventos extremos climáticos acontecem com mais freqüência. O Brasil é potencialmente muito vulnerável às mudanças climáticas, mas não conhecemos em profundidade todos os seus impactos no país. Além disso, falta identificar de forma precisa nossas vulnerabilidades na agricultura, nas zonas costeiras, na saúde humana, nos recursos hídricos, nas energias renováveis, nos ecossistemas naturais e biodiversidade, nas grandes cidades e na indústria. Avanços foram feitos na capacidade de elaborar cenários climáticos futuros para o país até o final deste século. Estes cenários têm sido utilizados para estudar impactos em vários setores, como agricultura e energias renováveis. No campo da mitigação dos gases de efeito estufa, a grande contribuição que o Brasil pode dar ao esforço mundial de estabilizar suas concentrações atmosféricas em níveis considerados menos "perigosos", deve obrigatoriamente se dar pela redução significativa das emissões provenientes dos desmatamentos da floresta tropical e do cerrado, além do potencial de redução das emissões na agricultura através da modernização e intensificação do uso de recursos alternativos, como por exemplo, a utilização de biocombustíves. O país pode escolher uma trajetória de desenvolvimento limpo e tornar-se uma verdadeira "potência ambiental tropical", isto é, um país de economia industrializada e também de base de recursos naturais, mas apresentando um padrão de emissões muito baixo.
Topo     
SEMINARISTA: Drª. Adriana Válio - CRAAM/Mackenzie
DATA: 13/04/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
ASTRONEWS: Julio César Tello Gálvez - DAS/INPE

TITULO: Manchas na estrela COROT-2

RESUMO: Durante o eclipse de um planeta, manchas na superfície de sua estrela hospedeira podem ser ocultadas, causando pequenas variações na curva de luz. O estudo detalhado dessas variações durante os trânsitos fornece informações sobre as propriedades das manchas como tamanho, posição, temperatura (ou intensidade), tempo de vida, entre outras. Também é possível estimar se a estrela apresenta ou não rotação diferencial. O satélite francês CoRoT, com parceria brasileira, detectou 77 trânsitos consecutivos de um Júpiter quente em torno da estrela CoRoT-2. Para a caracterização das manchas estelares foi utilizado um modelo que simula os trânsitos planetários e considera até 9 manchas presentes na superfície visível da estrela. O ajuste dos dados pelo modelo resultou em manchas ou grupos de manchas com tamanhos médios de 100.000 km, ou uma área total da estrela coberta por manchas da ordem de 10 a 20%. Esses valores são bem maiores do que o que ocorre no Sol. A temperatura média das manchas é da ordem de 4700 +/- 300 K (para uma temperatura fotosférica efetiva de 5625 K), portanto, mais frias do que as manchas solares. Considerando o período de rotação da estrela de 4,54 dias, o tempo de vida encontrado para uma mancha foi de 33 +/- 7 dias. A estrela CoRoT-2 quase não apresenta rotação diferencial, sendo que os períodos de rotação entre o equador e os pólos é apenas 0,6%.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Reinaldo de Carvalho - DAS/INPE
DATA: 15/04/2010
LOCAL: Sala 90 - INPE
HORA: 14:00h
TITULO: Um Projeto de Associação do Brasil ao ESO

RESUMO: Neste seminario faremos uma discussao sobre a possivel entrada do Brasil no ESO e suas implicacoes.
Topo     
SEMINARISTA: Eder Martioli - DAS/INPE
DATA: 27/04/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
TITULO: A Descoberta de um Exoplaneta com a Massa de Netuno via Microlente Gravitacional
ASTRONEWS: Leonardo Andrade de Almeida - DAS/INPE
ARQUIVO PARA DOWNLOAD: A Descoberta de um Exoplaneta com a Massa de Netuno via Microlente Gravitacional

RESUMO: Apresentarei o método de detecção de exoplanetas via microlentes gravitacionais e alguns dos principais resultados. Este método possibilitou a descoberta de vários exoplanetas com massas relativamente menores do que daqueles detectados por outros métodos. Relatarei a detecção do exoplaneta OGLE-2007-BLG-368Lb, que apresenta massa cerca de 20 vezes a massa da Terra, comparável à massa do planeta Netuno, e separação projetada de cerca de 2.8 UA, situado na borda da chamada "snow line", dados que o classificam como um "Netuno-Frio". Essa detecção se deu através do acompanhamento fotométrico de um evento de microlente gravitacional, ao longo da passagem pela cáustica associada ao fenômeno de lente. O evento foi observado por uma colaboração internacional de diversos grupos com a participação da Divisão de Astrofísica do INPE. Um dos principais resultados desse trabalho foi a análise estatística da função de massa de exoplanetas, que possibilitou concluir que os exoplanetas do tamanho de Netuno são mais comuns do que se imaginava e inclusive mais abundantes do que os planetas do tipo de Júpiter.
Topo     
SEMINARISTA: Dra. Tatiana Lagana - IAG-USP
DATA: 04/05/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
TITULO: Spiral arms in the central region of galaxy clusters
ASTRONEWS: Tereza Satiko Nishida Pinto - DAS/INPE

RESUMO: X-ray data analysis have found that fairly complex structures at cluster centres are more common than expected. Many of these structures have similar morphologies, which exhibit spiral-like substructure. It is not yet well known how these structures are formed or maintained. Understanding the origin of these spiral-like features at the centre of some clusters is the major motivation behind this work. We analyze deep Chandra observations of 15 nearby galaxy clusters (0.01 < z < 0.06), and use X-ray temperature and substructure maps to detect small features at the cores of the clusters. We detect spiral-like features at the centre of 7 clusters: A85, A426, A496, Hydra A cluster, Centaurus, Ophiuchus, and A4059. These patterns are similar to those found in numerical hydrodynamic simulations of cluster mergers with non-zero impact parameter. In some clusters of our sample, a strong radio source also occupies the inner region of the cluster, which indicates a possible connection between the two. Our investigation implies that these spiral-like structures may be caused by off-axis minor mergers. Since these features occur in regions of high density, they may confine radio emission from the central galaxy producing, in some cases, unusual radio morphology.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Augusto Damineli - IAG/USP
DATA: 18/05/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
TITULO: Eta Carinae: uma pré-hypernova?
ASTRONEWS: Karleyne Medeiros Gomes da Silva - DAS/INPE
ARQUIVO PARA DOWNLOAD: Eta Carinae: uma pré-hypernova?

RESUMO: Neste seminário apresentarei os principais fatos observacionais de eta Carinae que levam à sua natureza de estrela supermassiva em estágio avançado de evolução. Serão mostrados dados recentes que levam à discussão sobre a natureza da estrela secundária e à variabilidade da taxa de perda de massa. Discutirei também a sugestão de que ela está próxima de se tornar uma hypernova, detonada por criação de pares.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. João Steiner - IAG-USP
DATA: 25/05/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
TITULO: Como achar buracos negros supermassivos de baixa luminosidade
ASTRONEWS: Priscilla Polido - DAS/INPE

RESUMO: Apresentaremos o método de Tomografia PCA aplicada a cubos de dados IFU (Integral Field Unit). Trata-se de um método novo desenvolvido por nosso grupo para extrair informação de cubos de dados de forma matematicamente otimizada. Aplicamos o método à galáxias próximas nas quais não se conhece a existência de AGNs e mostramos que podemos encontrar AGNs de baixa luminosidade e estudar suas propriedades.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. André de Castro Milone - DAS/INPE
DATA: 01/06/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
TITULO: The Mg/Fe characterization of the MILES library for stellar population studies
ASTRONEWS: Carlos Eduardo Cedeño Montaña - DAS/INPE

ARQUIVO PARA DOWNLOAD: The Mg/Fe characterization of the MILES library for stellar population studies

APRESENTAÇÃO EM INGLÊS: http://www.iac.es./info.php

RESUMO: The current databases of empirical star spectra for modelling single-aged stellar populations (SSPs) generally do not chemically characterize their stars completely. Spectral properties of stars and their populations may change considerably if the elemental abundance ratios E/Fe differ from the solar-scaled values. We intend to build up robust integrated spectral energy distribution of SSPs older than 1 Gyr by adopting the MILES database (Medium-resolution Isaac Newton Telescope Library of Empirical Spectra) and taking into account the Mg/Fe ratio of its stars. Magnesium is a proxy of the alpha-capture elements and the alpha/Fe ratio has been widely used as an indicator of the star formation time scale. In this talk, I present how accurate and extensive our compilation and determination of [Mg/Fe] were obtained around MILES to compute state-of-the-art SSP models. Published high resolution measurements were adopted to define a uniform scale of [Mg/Fe] and calibrate our results at medium resolution that were based on the spectral synthesis of two strong Mg features.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Marco Feroci - Istituto di Astrofisica Spaziale e Fisica Cosmica Roma - INAF, Roma, Itália
DATA: 10 de Junho de 2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 14:00h
TITULO: A proposal for an Italian Contribution for the MIRAX Scientific Payload

RESUMO: After the experience with BeppoSAX and AGILE, our groups at INAF in Rome and Bologna, INFN in Trieste, Univ. of Ferrara, Bologna and Pavia, have been developing ideas and technologies for X/soft-gamma-ray wide-field experiments devoted to monitoring and spectroscopy of persistent and transient Galactic sources and gamma-ray bursts. In particular, innovative developments in the field of fine-pitch, large-area Silicon detectors, together with well-established scintillating detector technology, allow us to design an experiment enabling spectroscopy studies in a broad energy range, from 2 keV to 5 MeV, with arcmin-imaging and energy resolution better than 500 eV below 50 keV. In this talk we will present the instrumental background and a proposal for a scientific payload intended as an Italian contribution to the Brasilian mission MIRAX.


SEMINARISTA: Dr. Filippo Frontera, Universitá di Ferrara, Itália
HORA: 14:35h
TITULO: Scientific Objectives and Expected Performance of a proposed MIRAX Payload

RESUMO: The proposed scientific payload for the MIRAX mission opens exciting observational perspectives in the field of gamma-ray bursts and source monitoring. I will discuss relevant open issues concerning GRBs and all-sky monitoring that can be faced with the proposed MIRAX payload. I will also show some significant simulations results, that show the expected capability of the proposed experiments.


SEMINARISTA: Dr. Lorenzo Amati - INAF - IASF Bologna, Itália
HORA: 15:30h
TITULO: Gamma-Ray Bursts: recent advances and new frontiers

RESUMO: Gamma Ray Bursts (GRBs) are, at the same time, the most powereful and elusive phenomena in the Universe. Since the late 90s', thanks to unprecedented observational and theoretical efforts, huge advances have been made in this hot field of modern astrophysics. However, we are still far from a satisfactory understanding of both the sources and the physics behind the multi-wavelength emission of these catastrophic events. I review the observational status and the basic theoretical scenarios for GRBs, giving emphasis to the outstanding recent advances, the more relevant open issues, and the capabilities demanded to next generation experiments in order to provide us further (and, hopefully, decisive) steps forward.


SEMINARISTA: Dr. Rick Rothschild - University of California San Diego, EUA
HORA: 16:05h
TITULO: Galactic Positron Annihilation Radiation – No Mystery and No Dark Matter

RESUMO: The ratio of the luminosity of diffuse 511 keV positron annihilation radiation, measured by INTEGRAL/SPI in its four years, from a Galactic "positron bulge" compared to that of the disk is 1.4. This ratio is roughly 4 times larger than that of positron production expected simply from the stellar bulge-to-disk ratio of ~0.33 of the Galactic supernovae, which are thought to be the principal source of the annihilating positrons through the decay of radionuclei made by explosive nucleosynthesis in the supernovae. This large discrepancy, oft quoted as a "Big Mystery", has prompted searches for new sources, including a large number of dark matter scenarios. We show, however, that the measured 511 keV luminosity can be fully understood in the context of a Galactic supernova origin, when the propagation of the relativistic positrons in the various phases of the interstellar medium is taken into consideration, since the positrons must slow to eV energies before they can annihilate. This explanation accounts for the observed positronium fraction and line widths. An assumption of very little propagation of positrons and the observed difference between the annihilation flux distribution and that of positron production has been evoked as evidence of a new source and signal of dark matter. Such models cannot account for the positronium fraction and yet with propagation standard nucleosynthetic sources can fully account for all measured quantities of the annihilation radiation, leaving no signal for dark matter to explain.


SEMINARISTA: Dr.Claudio Labanti - INAF - IASF Bologna, Itália
HORA: 16:40h
TITULO: Terrestrial Gamma-Ray Flashes: not just serendipity

RESUMO: The Italian gamma ray observatory on board the satellite AGILE Astrorivelatore Gamma a Immagini Leggero detected with its minicalorimeter instrument (MCAL) unexpected Terrestrial Gamma ray Flashes (TGFs) in the energy range 0.3-100 MeV. After CGRO-BATSE and RHESSI, AGILE is the third satellite to observe these elusive high energy transient events. The events typically lasting few milliseconds shows spectral and directional selections consistent with the TGF characteristics previously reported by other space missions. During the period 1 June 2008 to 31 March 2010 AGILE detected about 150 events showing millisecond durations and a geographical distribution peaked over continental Africa and Southeast Asia. For the first time, AGILE-MCAL detects photons associated with TGF events up to 40 MeV. It was found that both the TGF cumulative spectral properties and their geographical distribution are in good agreement with other satellite results when the data can be compared. TGF observation at very high energy has been later reported also by FERMI-GBM. These estension of the energy of TGF should be taken into account when designing new gamma-transient detector also to contribute with new observations to the debate for the theoretical explanation of the phenomena.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Carlos Alexandre Wuenche de Souza - DAS/INPE
DATA: 22/06/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
TITULO: A Física da Radiação Cósmica de Fundo: Desafios para a Década 2010-2020
ASTRONEWS: Márcia Regina Guimarães Guedes - DAS/INPE

RESUMO: Apresentaremos os principais resultados referentes ao estudo da Radiação Cósmica de Fundo em Microondas (RCFM), desde os resultados obtidos pelo satélite COBE, e as consequencias para a compreensão do Modelo Cosmológico Padrão. Discutiremos em seguida os desafios e questões em aberto. Elas deverão ser atacadas pelo satélite Planck e pelas próximas missões que servirão de teste para o próximo satélite dedicado ao estudo da RCFM: o CMBPol. Desvios da curva de corpo negro, injeção de energia, assimetrias e desvios de gaussianidade na distribuição de temperaturas e os modos B de polarização da RCFM, ligados à existência de ondas gravitacionais primordiais, serão alguns dos aspectos físicos discutidos.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Edivaldo Moura Santos - UFRJ
DATA: 24/08/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
TITULO: Física de Raios Cósmicos com o Observatório Pierre Auger
ASTRONEWS: Thiago Monfredini da Silva - DAS/INPE

RESUMO: O Observatório de raios cósmicos Pierre Auger tem tomado dados desde janeiro de 2004. O detector combina um técnica híbrida, onde as cascatas atmosféricas podem ser detectadas tanto na sua chegada ao solo, pela amostragem da densidade de partículas em tanques de água de efeito Cherenkov, quanto pela medida da tênue luz de fluorescência produzida pelo desenvolvimento de tais cascatas na atmosfera. Nesse seminário, uma breve revisão histórica da física de raios cósmicos até os dias atuais será apresentada. Em seguida, discutiremos os principais resultados científicos publicados pela Colaboração Pierre Auger, que incluem estudos de anisotropia na distribuição de direções de chegada dos raios cósmicos, medida do espectro em energia, estudos de composição química, etc. As implicações astrofísicas desses resultados também serão discutidas.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Marcelo Rebouças - CBPF
DATA: 21/09/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
TITULO: Testando a Física do Universo Primordial
ASTRONEWS: Camila Paiva Novaes - DAS/INPE

RESUMO: Dados observacionais de mais alta precisão da Cosmologia moderna são as medidas da radiação cósmica de fundo (RCF), que levaram à concessão de dois Prêmios Nobel (1978 e 2006). Medidas recentes da RCF vêm sendo feitas por satélites da NASA e da ESA (European Space Agency). Faremos uma breve revisão do esforço para medir a RCF e discutiremos a importância para a física do universo primordial de se determinar se suas flutuações seguem ou não uma distribuição Gaussiana. Apresentaremos dois indicadores de desvios da Gaussianidade, que propusemos recentemente, e discutiremos os resultados relativos ao seu uso no exame dos dados colhidos pela sonda espacial WMAP da NASA.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Saulo Carneiro - UFBA
DATA: 05/10/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
TITULO: Modelos cosmológicos com interação no setor escuro
ASTRONEWS: Manuel Antonio Castro Avila - DAS/INPE

RESUMO: Discutiremos o papel da energia do vácuo no espaço-tempo em expansão. Alguns resultados da teoria quântica de campos no espaço-tempo de de Sitter serão usados na construção de soluções aproximadas para nosso universo nos limites de muito altas e muito baixas energias. No primeiro caso, supondo interação entre vácuo e matéria, obtemos uma solução não singular, com transição entre um universo de de Sitter primordial e uma fase dominada por radiação. No limite de tempos tardios, por outro lado, um termo cosmológico remanescente é obtido, com ordem de grandeza em acordo com a observada. A possibilidade de interação no setor escuro será também considerada neste caso, e alguns limites observacionais serão impostos com base em uma análise conjugada de supernovas Ia, oscilações acústicas bariônicas, radiação cósmica de fundo e formação de estruturas. Por fim, mostraremos que a interação vácuo-matéria pode ser modelada com a introdução de um campo escalar com potencial apropriado, o que nos permitirá ainda estabelecer uma conexão com a conjectura holográfica.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Nilton O. Renno - University of Michigan
DATA: 19/10/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
TITULO: Deliquescence and liquid saline water on Mars
ASTRONEWS: Manuel Antonio Castro Avila - DAS/INPE

RESUMO: Determining if life ever existed on another planet is one of the main goals of space exploration. Since it is believed that liquid water is a basic ingredient for life, an important step in the search for extraterrestrial life is to determine if liquid water exists in other planets. Mars is the most Earth-like planet in the solar system and there is evidence that it had liquid water in the past. Therefore, Mars is an excellent candidate for searching for signs of past microbial life. The recent discoveries of evidence for interfacial water, for liquid saline water or brines, and for methane on Mars have excited the science community by reviving the possibility of extant microbial life in a nearby planet. Here we show photometric and broadband spectral evidence that liquid saline water exists on Mars. In addition, we show that this finding indicates that deliquescence occurs seasonally on Mars' polar region. These discoveries support the hypothesis that freezing/thaw cycles lead to the formation of brine pockets where ice and salts coexist in the shallow martian subsurface5. This has important implications for the search for extraterrestrial life because a diverse array of terrestrial microorganisms thrives in brines.
Topo     
SEMINARISTA: Dra. Christina Barboza - Museu de Astronomia e Ciências Afins
DATA: 26/10/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
TITULO: Um século de História Social da Astronomia no Brasil (1850-1950)
ASTRONEWS: Mariana Chinaglia - DAS/INPE

RESUMO: Esta apresentação tem o objetivo de percorrer um século de história da astronomia no Brasil procurando contemplar tanto os aspectos institucionais quanto os aspectos científicos envolvidos no desenvolvimento desta ciência em nosso país, tais como os diferentes problemas enfrentados pelos cientistas a cada momento, e as principais ferramentas teóricas de que dispunham para resolvê-los.
Topo     
SEMINARISTA: Dr. Martín Makler - Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas
DATA: 23/11/2010
LOCAL: Auditório do IAI - INPE
HORA: 15:00h
TITULO: Arcos gravitacionais de cabo a rabo
ASTRONEWS: Mariana Costa - DAS/INPE

RESUMO: Os arcos gravitacionais podem proporcionar informações únicas para sondar a distribuição de massa em galáxias e aglomerados de galáxias, permitindo colocar limites nas propriedades da matéria escura e em processos bariônicos nas lentes. A identificação de arcos também permite descobrir fontes a altos desvios para o vermelho, graças a seu efeito de telescópio gravitacional. Também tem se sustentado que o estudo dos arcos poderia propiciar limites sobre a energia escura. Apesar do seu potencial, a utilização dos arcos gravitacionais tem esbarrado em dois problemas fundamentais: o baixo número de sistemas com arcos conhecidos e os erros sistemáticos envolvidos na estatística de arcos e em métodos de inversão para obter a massa das lentes. Progressos significativos são esperados nessas duas frentes no futuro próximo. Por um lado o número de arcos deve aumentar em cerca de uma ordem de magnitude com a próxima geração de levantamentos de grande área, como o Dark Energy Survey (DES). Por outro lado, um esforço considerável tem sido dedicado a controlar os sistemáticos. Isso inclui tanto questões de cunho observacional, como a detecção e caracterização desses objetos, quanto, quanto aspectos "teóricos", como a modelagem detalhada da estatística de arcos e estudos da robustez de métodos de inversão. Acreditamos que somente uma abordagem "de cabo a rabo", ou seja, partindo de modelos, obtendo arcos simulados e procurando recuperar os parâmetros físicos desses modelos utilizando as mesmas ferramentas que nos dados reais, permitirá um avanço considerável nessa área. Neste seminário discutiremos algumas etapas sendo desenvolvidas por nosso grupo para fechar esse ciclo. Em particular, descreveremos as simulações de arcos que estão sendo desenvolvidas para o DES e análises preliminares nessas imagens simuladas. Também apresentaremos resultados preliminares de dois levantamentos de arcos em andamento: o SOAR Gravitational Arc Survey (SOGRAS) e o CFHT Stripe-82 Survey (CS82).
Topo     
Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais - INPE
Av. dos Astronautas,1.758 - Jd. Granja - CEP 12227-010 - Sao José dos Campos - SP - Brasil
Copyright 2014 © INPE/DAS - Todos os direitos reservados.